Arquidiocese do Rio de Janeiro

25º 19º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 20/11/2018

20 de Novembro de 2018

Museu de Arte Sacra inaugura exposição sobre Sant’Ana

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

20 de Novembro de 2018

Museu de Arte Sacra inaugura exposição sobre Sant’Ana

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

08/06/2018 14:50 - Atualizado em 08/06/2018 14:50
Por: Raphael Freire / Symone Matias

Museu de Arte Sacra inaugura exposição sobre Sant’Ana 0

Há mais de quatro décadas no corredor religioso, cultural e turístico da cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro, o Museu Arquidiocesano de Arte Sacra (MAAS) presenteia os fluminenses com mais uma grande e importante exposição: “Sant’Ana, Mãe e Mestra”. A mostra, que homenageia a avó de Jesus – também copadroeira da arquidiocese –, foi inaugurada no dia 29 de maio pelo arcebispo do Rio, Cardeal Orani João Tempesta, juntamente com o diretor artístico do museu, monsenhor José Roberto Devellard, com o diretor administrativo, cônego Cláudio dos Santos, e a museóloga Marly Assis.

“É sempre uma alegria ver o crescimento e os passos que estão sendo dados entre fé e cultura. Nosso museu arquidiocesano vem realizando muitas exposições temáticas temporárias, que nos mostram diversos aspectos que se complementam dentro desse diálogo com a cultura. A arte sacra fala por si mesma, mas também fala da fé e mostra o trabalho desenvolvido por muitos artistas que, através do seu ofício, não só representam, mas transmitem essa fé por meio da cultura. Por sua vez, a cultura também é promovida pela fé, e esse diálogo nos ajuda a sermos presença nesse mundo. Embora muitos não valorizem, o Museu Arquidiocesano de Arte Sacra, com sua exposição permanente e as mostras temporárias, nos ajuda ainda mais nesse aprofundamento entre arte e religiosidade”, afirmou Dom Orani.

O nobre acervo do MAAS expressa a majestosa influência da Igreja Católica no processo de construção da identidade cultural do povo brasileiro. De acordo com o diretor artístico do museu, monsenhor José Roberto Devellard, Sant’Ana ressalta a importância da transmissão da fé, da devoção e dos valores repassados pelos avós. Ele recordou ainda que a exposição é dedicada a todas as avós e “Anas” que glorificam com seu nome a mãe da Virgem Maria.   

“O Museu Arquidiocesano de Arte Sacra procura sempre fazer exposições temáticas. Encerramos a mostra “Maria Entre Nós”, que falava sobre Nossa Senhora, e ainda este ano teremos uma exposição sobre a inculturação através da arte. Sant’Ana, mãe e mestra, constitui uma devoção que no Brasil colônia foi trazida pelos padres jesuítas. Além disso, todo o Nordeste têm por Sant’Ana uma grande devoção, tanto que ela é chamada pelos nordestinos de ‘Senhora Sant’Ana’, sendo, inclusive, padroeira de Caicó, município brasileiro pertencente ao Estado do Rio Grande do Norte”, contou.

Monsenhor Devellard destacou também a presença de uma escultura muito pouco conhecida pelo povo na exposição: a imagem de Santa Hemerenciana, bisavó de Jesus.

“Resolvemos produzir essa exposição com algumas esculturas que já fazem parte do museu e com uma peça não muito conhecida pelas pessoas, que é a imagem de Santa Hemerenciana, mãe de Sant’Ana. A imagem original está exposta na Igreja do Carmo, mas esta réplica que compõe a mostra apresenta a santa segurando sua filha Sant’Ana em um braço e, no outro, carregando sua neta Maria e seu bisneto Jesus, dando-nos todo o sentido da família divina”, disse o sacerdote.

O diretor administrativo do museu, cônego Cláudio dos Santos, pontuou que todas as ações promovidas pelo MAAS visam atingir não só os cristãos católicos, mas todos os cidadãos cariocas e turistas.

“‘Sant’Ana, Mãe e Mestra’ visa, mais uma vez, dar continuidade a esse projeto de promoção e difusão cultural que a nossa Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro quer fazer acontecer na vida de cada pessoa. Não só dos fiéis católicos, mas também de todos os cidadãos de nossa cidade e turistas. Sem dúvida nenhuma o Museu de Arte Sacra, único do Rio de Janeiro, é uma oportunidade para promover isso. Com esta exposição damos continuidade ao apelo que o Papa Francisco fez há alguns meses atrás com a Exortação Apostólica Gaudete et Exsultate – sobre a chamada à santidade no mundo atual –, para que cada fiel cristão católico busque, através da sua vida, nos exemplos dos santos, esse chamado primeiro que Deus faz a todos nós batizados de sermos santos como Ele é Santo. A exposição em homenagem a Sant’Ana é uma oportunidade de reconhecermos cada vez mais essa grandeza de Deus, esse chamado de Deus em nossas vidas”, concluiu cônego Cláudio.

A exposição ‘Sant’Ana, Mãe e Mestra’ fica em cartaz até o fim do mês de julho, de terça a sexta, das 9h às 16h; sábados e domingos, das 9h às 12h. O Museu Arquidiocesano de Arte Sacra fica na Avenida República do Chile, 245, no Centro. Mais informações pelos telefones: (21) 2240-2669 / 2869 ou 2262-1797.

Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.