Arquidiocese do Rio de Janeiro

31º 19º

Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, 09/12/2019

09 de Dezembro de 2019

Beatificação de padre Donizetti reuniu milhares de fiéis em Tambaú

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do e-mail.
E-mail enviado com sucesso.

09 de Dezembro de 2019

Beatificação de padre Donizetti reuniu milhares de fiéis em Tambaú

Se você encontrou erro neste texto ou nesta página, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente a ArqRio.

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do erro.
Erro relatado com sucesso, obrigado.

29/11/2019 13:03
Por: Redação

Beatificação de padre Donizetti reuniu milhares de fiéis em Tambaú 0

Cerca de 20 mil fiéis e devotos enfrentaram o sol e o calor intenso no dia 23 de novembro para acompanhar a missa e o rito de beatificação do ‘Apóstolo da acolhida’, padre Donizetti Tavares de Lima, em Tambaú, na Diocese de São João da Boa Vista (SP).

Foram 27 anos de espera, mas os devotos tiveram a alegria de ver o querido pároco ser beatificado pelo prefeito da Pontifícia Congregação para as Causas dos Santos, Cardeal Giovanni Angelo Becciu.

“Padre Donizetti foi fiel a Deus, devoto da Eucaristia, que se ocupava da juventude. Ele dava um grande amor para os menos favorecidos. E, ao mesmo tempo, ele tinha um carisma de sentir a presença de Deus. Ele sabia manifestar a presença de Deus. Todos os Santos são iguais, porque todos amaram a Deus com todo coração e amaram seus irmãos, e no final é a máxima do Evangelho: "Ama a Deus e ama os irmãos com todo o teu coração”, declarou o Cardeal Becciu.

A emoção tomou conta de todos os presentes no momento em que foi mostrada a imagem do Beato Donizetti, muitos com os olhos marejados que, mesmo embaixo de guarda-chuvas e sombrinhas, não escondiam a emoção de fazer parte desse momento tão especial e histórico para a Igreja.
O miraculado, presente na celebração, é o menino Bruno Henrique Arruda de Oliveira, de 13 anos, que teve o pé torto congênito curado pelo novo beato.
A celebração contou com a presença de diversos bispos, entre eles, o da Diocese de São João da Boa Vista, Dom Antônio Emídio Vilar, e os arcebispos do Rio de Janeiro, Cardeal Orani João Tempesta, e o de São Paulo, Cardeal Odilo Pedro Scherer.

Desde a publicação do decreto da beatificação do padre Donizetti, no dia 6 de abril de 2019, devotos intensificaram a peregrinação ao Santuário Nossa Senhora Aparecida de Tambaú (SP). O local foi construído graças a um sonho do Beato Donizetti, concretizado apenas após o seu falecimento em 16 de junho de 1961. Hoje, o santuário abriga o túmulo do Beato Donizetti, que conta agora com uma nova capela, aberta ao público.
Na Audiência Geral do dia 27 de novembro, o Papa Francisco definiu o novo beato brasileiro como um “pastor totalmente dedicado à sua gente, testemunha de caridade evangélica e corajoso defensor dos pobres”.

“Que os sacerdotes, as pessoas consagradas, mas também os fiéis leigos, possam fazer próprio o testemunho de fé do Beato Donizetti, com a coerência das escolhas de vida, inspiradas no Evangelho”, disse o Pontífice, que pediu aos fiéis “um aplauso ao novo beato”.

Da Redação


 
Leia os comentários

Deixe seu comentário

Resposta ao comentário de:

Enviando...
Por favor, preencha os campos adequadamente.
Ocorreu um erro no envio do comentário.
Comentário enviado para aprovação.